É preciso saber inglês para exportar?

saber_ingles

É preciso saber inglês para exportar?

A clareza na comunicação entre exportador e importador é essencial para concretizar bons negócios. Por isso, saber inglês para exportar é importante para ter sucesso no mercado externo. Como o inglês é a linguagem padrão do comércio internacional, ter o mínimo de familiaridade com o idioma é necessário. O ideal é que o vocabulário técnico específico em inglês seja usado com precisão para que os negócios se desenvolvam com sucesso.

Ruídos na comunicação causados pela falta de domínio do idioma podem arruinar uma negociação. Confiar no “embromation” é uma aposta perigosa. Há casos de exportadores brasileiros que negociaram produtos diferentes do que tinham em mente devido aos mal-entendidos idiomáticos. Outros chegaram a ter prejuízos financeiros por não entender direito certos detalhes contratuais. Saber inglês para exportar pode evitar esses tipos de situações desagradáveis.

O inglês é importante em várias etapas da exportação. Desde a apresentação de sua empresa aos parceiros estrangeiros até o preenchimento de documentos e redação de contratos. Materiais de apoio como catálogos ou cartões de visita escritos em bom inglês também são sinônimo de profissionalismo. O mesmo vale para o site da empresa, que pode ser bilíngue para facilitar a comunicação com parceiros em potencial. O domínio do idioma também facilita a comunicação presencial e por e-mail com clientes.

Saber inglês para exportar faz com que sua empresa se destaque da concorrência, já que o conhecimento do idioma é um grande diferencial na hora de fechar negócios internacionais. Mesmo que o empresário não tenha domínio da língua, escolas de idiomas têm oferecido cursos específicos para a área e alguns profissionais prestam consultoria sobre o tema. O fundamental é sempre se comunicar bem para otimizar seus negócios.

A plataforma Intradebook é um sistema para auxiliar as empresas que desejam exportar ou importar, já desenvolvido em inglês, espanhol e português para facilitar o aprendizado e os negócios internacionais.

Crédito de imagem: geralt/CC

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WordPress spam blocked by CleanTalk.
%d blogueiros gostam disto: